Um Café Divisor de Águas

Esse é o primeiro artigo do nosso blog escrito por uma de nossas alunas aqui da Escola Caxias Criativa. A Siliane é nossa aluna do Digital360, o Programa de Marketing Digital aqui da ECC. Como boa aluna que é, a Sili tenta sempre participar de nossos “eventos extra classe”. E no último Café Criativo, sobre Liderança Criativa, ela foi pega de surpresa pela realidade.

Esse é o relato, em primeira mão, de como a ECC auxilia nossos alunos a compreender suas atitudes e competências fazendo uso da criatividade.

Espero que gostem!

Joe.


Você já se sentiu um peixe fora d’água na empresa em que trabalha?

Quando o Café Criativo da ECC apareceu na minha timeline prometendo me ensinar a “engajar equipes criativas”, eu pensei imediatamente: preciso aprender isso!

Durante muitos anos, a minha escola foi a clássica Gestão e Administração de Processos e Pessoas. Sou formada em Administração de Empresas e estudei cálculo de MRP (à mão)! Me menos de dois parágrafos já entreguei minha idade! Alguns entenderão a importância do MRP para a gestão estratégica de uma indústria, mas a equipe na qual estou inserida hoje nem sabe o que isso significa. Todo o meu foco sempre foi em pensar na melhor estratégia para gerar resultados.

Mas a vibe da galera por aqui é outra. A ordem é inovar, ser disruptivo. Ponto.

Só que existe uma divergência entre o que eu entendo e o que a equipe entende por disrupção e gestão. E não cabe aqui caracterizar o que – e nem como – cada um entende, porque a discussão é longa…

O fato é que eu fui no Café Criativo com o objetivo de entender quais atitudes eu deveria mudar como líder para entender melhor as pessoas. Quais suas percepções e partir em busca de um nivelamento com a direção da empresa.

Chegando lá, tivemos uma atividade onde grupos eram convidados a discutir algumas questões. Entre discussões incríveis e cheias de empatia entre os participantes, cada pergunta projetou palavras ou termo chave para respondê-las:

Depois de comer alguns Buenos AlfajoresBiscoitos Orquídea com Sauce Tasty e tomar muitas xícaras do café do Joe, chegamos a conclusões aparentemente óbvias. #sqn. Para engajar equipes criativas eu, como líder, preciso:

1 – Estar 100% alinhada com a direção. Se eles mudarem de ideia eu tenho que mudar. Se eles mudarem o rumo eu tenho que ir junto.

2 – Querer fazer parte desta equipe e, para isso, olhar para mim, me conhecer e me questionar se os meus propósitos são os mesmos da equipe na qual eu estou inserida. Mas principalmente se o meu entendimento sobre esses critérios são os mesmos que o da minha equipe.

3 – Exercitar a minha criatividade e a da minha equipe através de estímulos constantes. Melhor ainda se em um ambiente livre de preconceitos e de críticas destrutivas ou julgamentos.

4- Promover um ambiente diverso, no conceito mais completo que há, de diversidade: pessoas diferentes, com bagagens e ideias diferentes. Sem que nenhum tipo de causa particular se sobressaia à causa da empresa.

5 – Achar uma convergência entre a cultura da organização, a minha cultura pessoal e o propósito da empresa.

6 – Ter e receber empatia, fazendo com que eu me sinta acolhida pela equipe e seja capaz de acolher todas as formas de experiências que cada um tem a entregar.

7 – Muito mais do que igualdade de propósitos, ter um alinhamento de COMO realizar as entregas.

A tudo isso eu somo com o que Jadir sempre fala quando discursa: quanto mais você cresce, mais você apanha. Por isso, precisa desenvolver “musculatura emocional” para lidar com as pessoas e situações.

Mas o mais legal deste evento gratuito da ECC – que parece “mini” mas que é gigante – foi o quanto ele me colocou em contato com o que eu já sabia mas queria negar: eu estava no lugar errado. Minha bagagem, meus conhecimentos e o jeito que eu faço as coisas, não são os errados. Mas também não são mais os adequados para a empresa em que estou. Simples assim. Nos tornamos incompatíveis.

Passeando por todos os itens que elenquei, o Café, que era para ser criativo, virou um “Café Divisor de Águas”. Dois dias depois eu pedi demissão e estou cumprindo meu aviso prévio.

Então, se você quer – e precisa – se colocar em contato com um ambiente que te estimula a repensar, a ECC é o lugar ideal. Repensar você, repensar processos e repensar as suas atitudes (ou a falta delas). Corre pro próximo Café Criativo que, independente do tema, ele vai te conectar com tudo isso!

escolacaxiascriativa

escolacaxiascriativa

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimos posts

Sobre a ECC

Um hub que desenvolve Habilidades do Futuro e Novas Tecnologias através de Inovações em Sala de Aula para o transformar o Profissional do Presente em um Profissional de Alta Performance.

Siga nas redes

×

Carrinho

Baixe o conteúdo do programa completo

Preencha o formulário abaixo para receber mais informações sobre este curso.